Paróquia Nossa Senhora das Graças
 
 ARTIGOS
Ver todos
 DESTAQUES
 
 
FOTOS EM DESTAQUE
Ver todas
 
 CADASTRE-SE
Cadastre seu e-mail para receber atualizações do nosso site:
 
 
 
PE. MILTON MODESTO ESCREVE PARA O 4º DOMINGO DA QUARESMA
Imagem
Prezados irmãos e irmãs o, o 4º domingo da quaresma, também denominado domingo Gaudete ou Gaudium fala da alegria , mas não de qualquer alegria. Fala da alegria daquele que passa e ver e permanecer com Jesus para sempre. “ O cego foi, levantou-se e voltou enchergando” Jo 9, 1-38 “Daquele que beber da água que eu lhe der, jorrará uma fonte para a vida eterna” disse Jesus no domingo passado.

Então qual é a alegria que Deus quer para nós? É aquela que não se baseia em fatos passageiros, mas que permanece para sempre.

Um rei é ungido para ser o modelo do Pai na terra para os homens. Davi é eleito rei, mas será o Senhor quem conduzira seus passos e os passos do povo para os prados e campinas verdejantes.

O cego passa a enxergar. No evangelho deste domingo, nós ouviremos que Jesus viu um homem cego de nascença: cuspiu no chão, faz lama coma saliva e colocou-a nos olhos do cego; e disse: - Vai lavar-se na piscina de Siloé (a palavra Siloé quer dizer ENVIADO).

Mas o que significa este gesto, aparentemente nojento? Quer lembrar-nos que fomos feitos do pó e para o pó retornamos; devemos tirar de dentro de nós toda malícia e presunção e ao encontro Daquele que pode nos purificar e fazer ver todas as coisas com olhos novos e nos dar a vida eterna.

Prezados irmãos Jesus não só cura a vista daquele homem cego de nascença, mas cura sua incapacidade espiritual de “enxergar” a mão de Deus em sua vida. Com essa cura Jesus se manifesta com a verdadeira luz dos homens e diz aos discípulos que eles também devem ser luz para os seus irmãos e irmãs; luz, sal e fermento.

Jesus é a luz do mundo: aquela que afugenta as trevas do erro, do medo e do pecado presentes na vida do mundo e dos homens.

Jesus não é um “curador”, um mágico, um feiticeiro, um enganador. Ele é Deus; não cura só a cegueira física, mas também a cegueira da alma; é Aquele que cura a alma para que possa “ver” e “testemunhar” a ação salvífica e permanente de Deus no mundo; possa também “ouvir” sua Palavra e praticar sua vontade entre os homens.

Que nesta semana que já nos aproxima mais da Semana Santa sejamos mais fervorosos em nossos atos de amor e de conversão. Deus os abençoe.

Pe. Milton Modesto
Pároco da Paróquia de Santa Cruz – Mogi Mirim – Diocese de Amparo - SP

 
Voltar
Imprimir
Comentar
Página Principal
Divulgação:
 
 ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Ver todas
 
DESTAQUES
 
 
VÍDEO EM DESTAQUE
Ver todos
 
PESQUISAR NO SITE
Digite a palavra ou frase de seu interesse:
 
 
Paróquia Nossa Senhora das Graças - Fone: (19) 3824-1156 - Rua Rio de Janeiro, 70 Centro - Águas de Lindóia (SP)